terça-feira, 18 de maio de 2010

DBS: DEPOIMENTO DE RENATO

" Sou portador da doença de Parkinson há 7 anos, e no dia 27/03/2010 fui submetido à cirurgia para implante do neuroestimulador (DBS), realizada no Hospital Dia-Baia Sul, em Florianópolis.
O médico cirurgião foi o Doutor Marcelo Linhares.
A cirurgia foi um sucesso. No dia 22/4/2010 o Doutor Fernando Cini de Freitas (neurologista clínico) ligou o marca passo, com isso a rigidez, o cansaço físico e mental, o tremor e a lentidão de movimentos desapareceram por completo.
Hoje estou vivendo sem a medicação (levodopa), me sinto muito bem e contente com o resultado.
Recomendo a cirurgia a todos os portadores de Parkinson.
Renato Cesar de Brito "

5 comentários:

JADER disse...

Olá,

Também tenho Parkinson há 7 anos. Qual sua idade?

Badu disse...

Renato,
Parabéns pelo sucesso da sua cirurgia, estamos solidários com sua alegria, mas complementando e acho que essa é a preocupação do Jader, o DBS não é recomendado para pacientes idosos, com a PK em estado avançado e é aconselhado somente para aqueles cujo tratamento medicamentoso não responde mais.

É preciso fazer um diagnostico com um neurologista especialista na DP antes de tomar essa decisão
Abs,

Anônimo disse...

Jader, eu tenho 53 anos.

Badu,obrigado pela atenção.
Renato de Brito

João disse...

Meu nome é Joao. Também tenho Parkinson há 7 anos e estou com 57. Renato, parabéns pelo sucesso do seu tratamento! Fico muito contente de saber que um companheiro de jornada conseguiu melhoras significativas. O tratamento é reversível? Quanto custou? Quais os riscos? Quanto tempo de internação? Há outros casos de sucesso da mesma cirurgia, do mesmo médico e do mesmo hospital? O dispositivo utilizado (chip) é o mais moderno? Qual seria o fabricante? Desculpe a quantidade de perguntas. Ficarei muito grato se você puder responder-me pelo menos alguma(s).

marcilioII disse...

João, Renato me falou que seu micro (dele) pifou. Vou responder por ele suas perguntas e depois ele complementa.
1/ Sim, o tramento é reversível. Diferentemente da Palidotomia a DBS não causa lesão.
2/Pelo que sei, o seguro saúde pagou.
3/Sim, há riscos. Como tudo na vida!
4/ 24 horas foi o tempo de internação.
5/Sim,há notícias de outros casos de "sucesso". Mas pelo que sei, Renato é o único que não toma medicaçao (levodopa).
6/ Medtronic é o fabricante do dispositivo. Não sei se é do tipo mais moderno. Imagino que sim.